top of page
Buscar
  • Foto do escritorRodrigo Lamonier

Tapioca, Pão Integral ou Pão Francês?

Atualizado: 10 de jul. de 2023

A grande maioria dos pacientes saudáveis que iniciam uma reeducação alimentar por conta própria e sem auxílio profissional, principalmente focando em "saúde" e emagrecimento, começa ERRONEAMENTE com a exclusão de inúmeros alimentos. Um exemplo que vejo com maior frequência, é a exclusão total do pão francês e integral e a troca pela tapioca, que ocorre pela crença de que os pães são ruins à saúde e que "engordariam" mais.


E será que isso realmente vai favorecer a saúde e o emagrecimento?


Bom, é importante considerar os hábitos e preferências alimentares de alguém antes de responder essa questão. Porém, classificando na ordem do mais nutritivo para o menos nutritivo a resposta seria o PÃO INTEGRAL, PÃO FRANCÊS e, por último, a TAPIOCA.


A tapioca ficou por último nesta lista por ser um carboidrato mais refinado, com poucos nutrientes e ausência de fibras e proteínas. Veja a relação nutricional aproximada abaixo:


- 100g de #pão integral (4 fatias tradicionais), há aproximadamente 253kcal, sendo 50g de carboidratos, 9,5g de proteínas, 3,5g de lipídios e 6,4g de fibras.

- 100g de pão francês (2 unidades médias), há aproximadamente 300kcal, sendo 58,6g de carboidratos, 8g de proteínas, 3,5g de lipídios e 2,3g de fibras.

- 100g de #tapioca (5 colheres de sopa em média), há aproximadamente 336kcal, sendo 82g de carboidratos, 2g de proteínas e 0g de lipídios.


Ou seja: o problema não é o pãozinho, mas sim as quantidades que você ingere dele. Lembre-se sempre que antes de querer excluir qualquer alimento que faça parte do seu hábito alimentar, é importante analisar muito bem o seu contexto e também quais os prós e contras de uma estratégia como essa.




38 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page