top of page
Buscar
  • Foto do escritorRodrigo Lamonier

Suplementos alimentares realmente fazem diferença?



As dúvidas sobre suplementos alimentares são frequentes no consultório, já que muitas vezes esses produtos são considerados milagrosos ou grandes impulsionadores de resultados relacionados à força, hipertrofia, emagrecimento e outros objetivos. É comum que alguns pacientes estejam dispostos a gastar muito dinheiro em cápsulas e pós, mas hesitem em investir em certos alimentos com preços muito mais baixos em comparação aos suplementos.


No entanto, a dúvida persiste: os suplementos alimentares são tão milagrosos como afirmam vários fabricantes e até mesmo alguns profissionais?


Infelizmente, a resposta é não. A maioria dos suplementos alimentares disponíveis no mercado são inúteis, e acredite, aqueles que realmente podem trazer algum benefício são raros. Portanto, BCAAs para hipertrofia ou recuperação muscular, glutamina e shots para melhorar a imunidade, L-carnitina para emagrecimento, colágeno para saúde da pele ou hipertrofia, triglicerídeos de cadeia média (TCM ou MCT) para disposição/emagrecimento, ácido linoleico conjugado (CLA) para emagrecimento, e vários outros suplementos são apenas formas de você desperdiçar seu dinheiro, pois inúmeros estudos já demonstraram sua inutilidade para os fins que mencionei.


Os suplementos que podem fazer sentido quando indicados por um nutricionista são: o whey protein, quando é necessário complementar a ingestão de proteínas do cardápio, a creatina para potencializar a força muscular (quando há uma demanda adequada proveniente do treino intenso), beta-alanina para melhorar a resistência em exercícios de moderada/alta intensidade através do aumento da concentração de carnosina, cafeína para resistência em algumas modalidades, nitrato em doses adequadas para aumento da síntese de óxido nítrico e melhora da vasodilatação, bicarbonato como tamponante para melhorar a resistência em exercícios de moderada/alta intensidade, carboidratos para aumentar os estoques de glicogênio no fígado e nos músculos, além de exercer efeitos no sistema nervoso central e potencializar o desempenho. Também existem várias vitaminas e minerais importantes que podem ser utilizados caso haja deficiências devido à sua dieta e demonstrados em exames laboratoriais, mas suplementar de forma indiscriminada e aleatória pode não trazer benefícios e até prejudicar seus resultados.


Esses são os suplementos que realmente valem a pena investir, dependendo de seus objetivos e modalidades esportivas praticadas. No entanto, não pense que os suplementos serão o fator determinante para seus resultados, pois não são. Os suplementos são apenas um pequeno complemento, enquanto o que realmente terá um impacto significativo em sua evolução será sua dieta e contexto alimentar. Se sua alimentação não estiver adequada, com deficiência de vários nutrientes e uma proporção inadequada de macronutrientes para seus objetivos, você estará apenas perdendo tempo. É possível obter benefícios relacionados à melhora da aptidão cardiovascular, mas, no contexto de hipertrofia corporal ou redução de gordura, os resultados provavelmente serão insatisfatórios se houver uma dieta ruim.


Portanto, uma dica valiosa para o seu progresso nutricional e para economizar dinheiro com gastos desnecessários, é agendar uma consulta para uma avaliação nutricional.

Comments


bottom of page